Vagabundos de rua se recusaram a vender cachorros por 2.000 reais porque o cachorro é a família dele e a familiar não deve ser vendida

Beatriz 04/10/2020 Relatar Quero comentar

O amor não está à venda! Um morador chamando Luiz Fernando Gomes de Araújo mora nas ruas de Santos, no litoral paulista. Ele rejeitou a proposta de vender seu cachorro Joe por 2 mil reais.

Apesar de todas as dificuldades, Louis se recusou a vender o cachorro por 2 mil reais. Isso porque o cachorro é a família dele, e a familiar não deve ser vendida.

Seu cachorro, Joe, morou com Louis por seis anos. Depois de ser abandonado por ex dona, ele foi encontrado no porto de San Sebastian por Louis.  Atualmente, os dois moram em uma rua do bairro de Marapé.

Pessoas na área disseram que ele já havia morado em um apartamento antes e que o antigo proprietário não podia mais estar com ele. Como ninguém foi encontrado para adotá-lo, ela tomou a triste decisão de soltar o cachorro na rua, e Louis o encontrou.

Ele não tem orelhas e carrapatos, mas mesmo com muitas dificuldades, Louis cuidou de Joe até que ele ficasse 100% saudável!

Louis disse que uma de suas maiores preocupações é que alguém tenha levado o cachorro embora. Por isso, ele rejeitou a oferta de 2 mil reais.

O objetivo de Louis é encontrar um emprego, poder sair da rua e proporcionar uma vida melhor para seu amigo fiel.

DEIXE O SEU LIKE, COMENTA AQUI EM BAIXO O QUE VOCÊ ACHOU! E COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS E FAMILIARES! OBRIGADA!

Comentário do usuário
Você pode gostar