Pitbull sordo chamado Blu não consegue parar de olhar para seu dono novo com muito amor depois de ser adotado

Beatriz 10/09/2020 Relatar Quero comentar

 “Os animais resgatados da rua são muito gratificante, resgatei uma cachorra que estava na rua, ela ficou muito apegada comigo e minha filha e meu cunhado, está ao meu lado agora!”

Hoje vamos conhecer a triste história de um pitbull surdo chamado Blu, como filhote de cachorro, ela passou muito tempo trancada em um pequeno quarto por uma família que não sabia como cuidar dela, até que ela foi entregue a um abrigo superlotado.

Blu foi salva do corredor da morte bem a tempo por uma equipe de resgate. Mas depois de um ano procurando uma casa para sempre, suas chances de ser adotada pareciam escassas.

Até que conheceu Sean Stevens.

“Os voluntários do resgate nos informaram que ela não recebeu muitos visitantes por causa de sua surdez e alguns problemas comportamentais que podem dificultar a caminhada dela”, disse Stevens.

“Ela realmente não sabe como interagir com outros cães. Ela fica muito animada e, por ser surda, não consegue ouvir quando começam a rosnar ou latir para ela parar. ”

Apesar dos avisos, Stevens e seu parceiro Marc sabiam, assim que viram Blu, que ela seria perfeita para a família deles. “Foi muito logo depois de conhecê-la que nos apaixonamos por ela”, disse Stevens. “Blu é uma menina tão doce e nós dois reconhecemos que, uma vez que ela fosse para um bom lar, sua personalidade floresceria.”

Em sua nova casa

Mas quando trouxeram Blu para casa, o cão nervoso recusou-se a relaxar. Blu não deixava seus novos pais fora de sua vista.

“Ela se recusaria a desviar o olhar de nós, embora estivesse obviamente exausta“, disse Stevens.

“Nós sabíamos que ela estava cansada porque não estava tentando nos fazer jogar com sua bola de tênis ou com a pilha de brinquedos que compramos para ela. Mas em vez disso estava sentada e nos encarando.”

Blu se recusa a dormir

A tarde virou noite e ainda assim Blu recusou-se a dormir até que sua família finalmente apagasse as luzes.

Clique na segunda página para continuar navegando
Comentário do usuário
Você pode gostar
X
Relatar
Use um endereço de e-mail real. Se não pudermos entrar em contato com você, não poderemos processar seu relatório.